Misterioso azul do Aquário Natural

por: Lucia Malla Bonito & Pantanal, Brasil, Mergulho, Viagens

Nossa visita ao Aquário Natural de Bonito foi marcada pela chuva, como em 2003. Mas diferente da vez anterior, quando apenas garoava, dessa vez em 2008 o tempo estava completamente fechado. Nuvens pretas no céu. O que deu à visão embaixo d’água tons mais sombrios e misteriosos.

Misterioso azul do Aquário Natural

Uma Malla no Aquário Natural.

Decidi levar uma lanterna, porque o nosso guia havia dito que dava pra ver alevinos de piraputangas embaixo de algumas árvores – e nesses locais, a escuridão chuvosa predominava.

Misterioso azul do Aquário Natural - alevinos

Alevinos de piraputangas entre as raízes de árvores.

Apesar de sempre ver o Aquário em condições desfavoráveis, ele impressiona tanto quanto o Rio Sucuri ou o Rio da Prata – são flutuações diferentes entre si, na minha opinião. Enquanto a paisagem dramática domina o Prata e os tons de verde dominam o Sucuri, no Aquário são os tons de azul profundo da água que tornam o cenário tão único.


Reserve seu hotel em Bonito pelo Booking.

Alugue seu carro em Bonito com a RentCars. 

Compre sua passagem até Bonito com a Viajanet. Parcelamento em até 10 vezes.

Proteja sua viagem a Bonito com um seguro de viagem da Seguros Promo.


Flutuação no Aquário Natural

Aquário Natural - Bonito MS

A plataforma de madeira onde começa a volta pelo Aquário Natural.

A flutuação ali é a mais curta das três. Começa-se o passeio na área de nascente do rio Baía Bonita – que dá nome à reserva. Surge em pequenas borbulhas do fundo calcáreo. A profundidade é mínima, há diversos momentos em que a gente quase encosta a barriga no chão. Nosso guia disse ter visto um jacaré nesse local. Mas não avisou a ninguém, provavelmente com medo de que o resto do grupo se desesperasse. Para André, a foto de um jacaré embaixo daquela água cristalina seria perfeita, e o guia não tê-lo chamado foi um vacilo, amenizado pelo fato dele ser simpático.

Flutuação no Aquário Natural - Bonito MS

A lanterna ajudou a procurar vida no escuro dos troncos caídos e na penumbra das margens do rio Baía Bonita.

Depois da área de nascente, a flutuação começa. O grupo desce o rio e um barquinho acompanha. O azul é quase marinho e a chuva o torna mais profundo. Um ar de mistério permanente envolvia o cenário submerso, realçado principalmente pelas gotas da chuva forte nas nossas costas. Água embaixo e em cima.

Aquário Natural - Bonito MS

Tirolesa

Terminada a flutuação, passamos por uma longa trilha onde poderíamos fazer uma tirolesa. Onde também supostamente haveria muitos animais. Com a chuva forte, é claro, os animais estavam todos escondidos. Portanto, o máximo que avistamos foram os olhos de um jacaré dentro de um laguinho.

Aquário natural - Bonito MS - cotia

Cotia comendo farelo de milho deixado pelo pessoal do receptivo do Aquário Natural.

De volta no receptivo mais bonito de Bonito, com cotias no quintal, tudo que queríamos enfim era nos aquecer. A chuva que trouxe tanto ar de mistério azul profundo no passeio já gelava o corpo. Era portanto hora de se esquentar com o melhor chocolate quente que tomei na vida, num copão gigante e com uma camada de flan de chocolate na superfície. Delícia sem igual. Que no meio de tantas paisagens inebriantes, complementa perfeitamente o passeio.

Tudo de bom sempre.

Misterioso Azul do Aquário Natural

P.S.

  • Os passeios feitos em Bonito em outubro/2008 pela blogueira foram apoiados (#ap) pela Bonito Brazil.


312
×Fechar