Fotocam 2010

por: Lucia Malla Antigos, ArteSub, Fotografia, Prêmios

Nesta semana que passou ficamos sabendo do resultado da competição fotográfica espanhola Fotocam 2010 [website ainda não atualizado], organizada pela CAM (Caja de Ahorros del Mediterraneo), uma instituição sem fins lucrativos que organiza diversos concursos fotográficos na Espanha. Este especificamente é de temática “Natureza”, e contou com a participação de mais de 17,500 imagens.

Bem, soubemos esta semana que a foto acima do André ficou em segundo lugar (“finalista”) na categoria “Vegetação”. Eeeeeeeee!!!!! A foto foi tirada em nossa viagem de 2008 a Bonito. Durante o passeio pelo rio Sucuri, num dia de corrente forte, ficamos um tempo nadando contra a maré – e quebrando a regra de ouro e rima de Bonito, que diz que “para relaxar devemos apenas flutuar, deixando a corrente rio abaixo te levar” – para explorar ao máximo esse pedaço lindíssimo do rio.

Vocês podem ver todas as fotos vencedoras do Fotocam 2010 neste link do flickr. Abaixo, um vídeo compilador das imagens, com música e talz. (Achei meio longo demais, pra ser sincera. Mas é bem bacana e relaxante.)


E decidi também postar aqui as 5 imagens (além da do André, claro) que mais gostei dentre as vencedoras. Ei-las:

“The Caravan”, de Bence Mate, foi a grande vencedora geral do concurso. Um grupo de formigas carregando pétalas de flor, numa composição nota 1000. Lindíssima.

“Parrot Snake”, também de Bence Mate (concluo que para mim este húngaro é um dos fotógrafos de natureza mais criativos da atualidade…). Finalista da categoria Macro, é um perfil instigante e criativo de uma cobra, com um toque de blur fenomenal, o que a torna diferente de tudo que se fotografou antes em termos desta cobra.

“Tortuga verde acosada”, de Manuel Muñoz García, é uma foto de tom triste, afinal nunca deveríamos acossar um animal desse jeito. Mas é reveladora em sua tristeza; a expressão da tartaruga parece de incômodo, de quem não gosta dessa galera ao redor. Pela capacidade de falar muito com uma imagem tão simples, a foto mais que mereceu ter vencido a categoria “Homem e Natureza”.

“Explosión de color”, de Carlos Villoch. A foto parece um jardim colorido e representa totalmente a categoria em que recebeu menção honrosa, “Biodiversidade”. Um recife de coral em Fiji, conhecidamente um dos points mais lindos de mergulho do planeta, cheio de corais moles. Imagem cheia de vida, linda, linda.

“Tormenta submarina”, de Carlos Villoch, vencedora da categoria “Subaquática”. Uma foto sub magnífica. Uma coincidência interessante aconteceu quando vi essa foto: se vocês olharem a foto que publiquei na Sexta Sub passada, ela é muito similar. Temos aqui em casa uma série delas (a da Sexta Sub não é das melhores, devo dizer), mas a semelhança me fez investigar a fundo a imagem vencedora com as mais de 200 submersas que temos desse point em Pohnpei. Chegamos a conclusão de que o fotógrafo estava NO MESMO PONTO que o André ao tirar essa foto, no Palikir Pass. As fraturas do chão são as mesmas, as características do local, do recife de coral calejado com certos cabeços preponderantes… incrível (e bacana) coincidência, dado que o lugar é praticamente desconhecido da maioria.

E vocês, de que fotos gostaram mais?

Tudo de bom sempre.



144
×Fechar