Ke11y*

por: Lucia Malla Esportes, Surfe

Realmente não há limites para a superação. Ano passado, quando Kelly Slater ganhou seu 10º campeonato mundial de surfe, já tinha se transformado num dos maiores atletas do mundo.

Ke11y

Kelly Slater surfando em Pipeline.

Hoje, coincidentemente 1 ano depois da morte de Andy Irons (seu amigo e rival de prancha), ele repetiu a façanha. Ganhou em resumo mais um mundial de surfe. Porque derrota parece ser uma palavra que não consta em seu dicionário. Agora, Kelly tem acumulado em sua carreira absurdamente estrondosos, monstruosos, fenomenais 11 títulos mundiais de surfe.

Já é o maior atleta da década. Além disso, sério candidato a melhor atleta de todos os tempos.

Repito abaixo o parágrafo do post que escrevi ano passado sobre seu 10º campeonato:

“O que ele faz em cima de uma prancha é coisa de gênio mesmo, ninguém mais discute. Fosse o surfe um esporte mais “aparecido” na mídia, menos desprezado pelas massas, quiçá olímpico, e Slater já teria virado um mito muito maior do que sua simpatia e determinação comportam…”

Pois eis que na reportagem linkada acima, ele diz ao final:

“Now I can go to Hawaii and really relax and not worry about my result at Pipeline.”

Aloha, Ke11y!

Ke11y

(Photo by Joli no ESPN.com)

Tudo de surfe sempre.

  • A moçada do surfe pelo visto já sedimentou a nova grafia do nome de Kelly…


243
×Fechar