Sexta Sub: mergulho em Jeju Island

por: Lucia Malla Coréia do Sul, Ilhas, Mergulho, Sexta Sub, Viagens

Independentemente de Jeju Island terminou eleita uma das 7 maravilhas naturais do mundo, ressalto que Jeju não é só bonita em terra. Afinal, com seus tubos de lava, crateras e cachoeiras à beira-mar, é fácil ser bonita. Mas surpreendentemente, foi embaixo d’água que a ilha mais me impressionou. Principalmente porque o mergulho em Jeju Island oferece uma biodiversidade supimpa de corais moles e peixes.

Porque o mergulho em Jeju é bom?

Embora em águas temperadas gélidas, o sul da ilha de Jeju se “beneficia” das correntes marinhas vindas das áreas tropicais. Estas correntes tropicais permitem que muitos elementos da fauna tropical por ali ainda consigam se estabelecer, como corais moles coloridos, nudibrânquios e alguns peixes tropicais. Nudibrânquios como o da foto acima, aliás, abundam. É praticamente impossível mergulhar em Jeju e não ver pelo menos um.

Sogwipo: onde o mergulho em Jeju acontece

Sogwipo - Jeju Island

Vista do famoso Monte Halla em Sogwipo, Ilha de Jeju.

Os melhores points de mergulho estão perto da cidade bucólica e portuária de Sogwipo. De lá, parte-se de barquinho até algumas ilhotas, como Monseom e Seopsom, onde mergulhamos.

Em Monseom, há uma ilhota minúscula (Little Monseom) com um drop-off considerável, formando um paredão lindo. O mergulho nesse paredão é super-fácil, porque basicamente basta você se jogar na água com tanque que o mergulho já pode começar, a profundidade permite. Por causa da facilidade de entrada e saída para mergulho, Monseom é o local predileto para os batismos de cursos de mergulho recreacional. No dia em que fomos, havia pelo menos uns cinco novatos se aventurando. Muito bacana.

Há diversas possibilidades de mergulho e perfil em Monseom. A mais legal de todas, contudo, é circular toda a ilhota de Little Monseom por baixo d’água.

Point incrível de mergulho: Seopsom

Já em Seopsom, a quantidade de kelp é o highlight, e com o kelp, os peixes, sépias e lulas, outra atração do mergulho ali. Ah, e águas-vivas, as mais diferentes possíveis, que não param de rondar o local. Lindas.

Mergulho em Jeju - água-viva

Dica de operadora

A operadora que contratamos em Jeju (e na época única da ilha que se comunicava em inglês) foi a BigBlue33 – o nome vem do paralelo 33, onde fica Jeju. O serviço deles foi bem dedicado e bem-humorado, embora o preço não seja dos mais baratos. O dono é um canadense. No fim de semana em que fomos mergulhar, outros gringos compartilharam o barco com a gente. Já os coreanos preferem (com razão) as operadoras que falam coreano.

Mergulho em Jeju - corais

Em resumo

Eu curti à beça o mergulho em Jeju. Achei inesperado – tinha uma idéia completamente diferente do que encontraria, e as cores do coral ali não deixam a desejar para muitos points tropicais. Acho que se você curte mergulho e se aventura pela Coréia, vale a pena pegar um vôo de uma hora de Seul até Jeju. E cair na água em Sogwipo, experimentando um lado da ilha que é realmente uma maravilha.

Tudo de sub sempre.

 

Booking.com


286
×Fechar