Nas ondas de Pipeline, os Pipe Masters de 2013

por: Lucia Malla Esportes, Havaí, Oahu, Praias, Surfe

No último sábado, 14 de dezembro, ocorreu a final do campeonato mundial de surfe, o Billabong Pipe Masters 2013 In Memory of Andy Irons, em Pipeline, North Shore de Oahu. Na praia, mais de 10.000 pessoas pararam para admirar os grandes mestres do surfe na água. E que dia para o surfe, camaradas!

Tubo perfeito na onda de Pipeline - North Shore de Oahu - Havaí
A onda de Pipe no dia dos mestres.
Praia de Pipeline lotada - final do campeonato mundial de surfe - Havaí

Muita emoção na água, pois as ondas de 20 pés estavam as mais perfeitas possíveis, com tubos cristalinos lindos. No céu azul infinito, um sol lindo de morrer. E na areia, a galera mais animada e antenada de surfe, cheia de vibração a cada onda bem pegada.

E, com tanta perfeição rolando, o campeonato mundial de surfe não poderia ser mais emocionante, com 3 vencedores no mesmo dia.

Os vencedores do Pipe Masters 2013

Surfista Mick Fanning - Campeão - campeonato mundial de surfe - Pipe Masters 2013 - North Shore de Oahu - Havaí

Mick Fanning (foto acima) logo no começo da manhã foi declarado por pontuação geral o campeão mundial de surfe em 2013. O Pipe Masters em si foi vencido por ninguém menos que o rei do surfe, Kelly Slater – aliás, de acordo com muitos, a onda suada e genial de Slater na final ofuscou totalmente a vitória de Mick Fanning. Mas o campeonato Pipe Masters é a última “jóia” da coroa do surfe, o Triple Crown, composta de 3 campeonatos no North Shore havaiano. E quem levou a coroa do Vans Triple Crown foi o cotadíssimo novatíssimo (21 anos!) queridíssimo John-John Florence, na final contra Slater que já entrou para a história do surfe.

Surfista John-John Florence - Pipe Masters 2013 - Pipeline - Havaí
Guardem esse nome: John-John Florence. Ele ainda vai brilhar.

Para mim, que adoro surfe e ondas e praia, foi uma tarde inesquecível. Mais incrível ainda porque estávamos André e eu na companhia dos mais que queridos Mau & Oscar. Compensou muito acordar às 5 da matina e fazer o caminho mais ninja pro North Shore de Oahu para evitar o trânsito, aguentar o sol e o calor na areia com milhares de pessoas, rir muito da animação e viagem na maionese da galera (excelente oportunidade de people watching). Afinal o show e a festa do surfe na praia mais badalada do esporte foram simplesmente ALUCINANTES.

Tudo de surfe sempre.



657
×Fechar